Portal Melhores Amigos | Epífora: manchas ao redor dos olhos de cães e gatos
1795
single,single-post,postid-1795,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Epífora: manchas ao redor dos olhos de cães e gatos

cachorro

20 jul Epífora: manchas ao redor dos olhos de cães e gatos

O seu peludo vive com uma mancha ao redor dos olhos? Preste atenção, porque pode não ser somente um problema estético, e sim, Epífora, ou seja, a perda ou alteração da drenagem normal das lágrimas devido a algum problema na via lacrimal. “Em animais com Epífora, as lágrimas escorrem sobre a face como se estivessem sempre chorando”, explica Verena Voget, médica veterinária e colaboradora do serviço de Oftalmologia do PROVET – Unidade Divino Salvador. A área úmida ao redor dos olhos sofre oxidação e fica manchada, como uma espécie de olheira.

A Epífora pode acometer cães e gatos de qualquer raça e qualquer idade, pois os problemas nas vias lacrimais podem ser tanto congênitos quanto adquiridos durante a vida. As causas são obstrução do ducto nasolacrimal; entrópio, uma deformidade palpebral que “inverte” parte da pálpebra para dentro e que causa lacrimejamento excessivo por irritação da córnea, além de esconder a abertura da via lacrimal, denominada de ponto lacrimal; dacriocistite, inflamação da via lacrimal; fechamento da via lacrimal por sequela de conjuntivite (é muito comum em gatos filhotes após infecção por herpesvírus) e a não formação do ponto lacrimal, uma alteração presente desde o nascimento.

Verena dá dicas preciosas para detectar se o animal apresenta Epífora: “observe se o pelo da face está consistentemente úmido ou se a pelagem originalmente clara adquiriu coloração marrom. O tingimento do pelo, popularmente conhecido como “lágrima ácida”, é denominado cromodacriorreia e é um problema estético. A Epífora é considerada um problema médico porque pode causar coceira e a proliferação bacteriana na região da face, devido a constante umidade e, com isso, trazer consequências graves para a saúde da pele e dos olhos, além de possuir um odor característico”.

Epífora epifora gato

Segundo a veterinária, todo cão ou gato com suspeita de Epífora deve ser submetido a exames oftalmológicos para confirmar sua existência, o tamanho e a posição dos pontos lacrimais, o bom funcionamento das mesmas e possíveis alterações anatômicas. “Após o exame oftálmico, o veterinário pode indicar o flushing, que é a lavagem dos ductos nasolacrimais, um procedimento que tem por finalidade desobstruir as vias lacrimais. Em casos específicos, pode-se indicar intervenção cirúrgica para criação de um novo canal lacrimal”, observa Verena.

Todo cuidado é pouco com a saúde do seu bichinho, mas o tratamento costuma ser simples e muito eficiente!

 

Ana Carolina Barbosa
Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.