Portal Melhores Amigos | Anemia em cães pode ser sintoma de doença grave; veja dicas e tratamento
4228
single,single-post,postid-4228,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Anemia em cães pode ser sintoma de doença grave; veja dicas e tratamento

Post_portalmelhoresamigos_9

10 jul Anemia em cães pode ser sintoma de doença grave; veja dicas e tratamento

As anemias em cachorros não são uma doença, mas sim um sintoma de alguma irregularidade ou enfermidade. Por isso, o animal pode apresentar sinais bem variados, de acordo com a severidade, o tempo de ocorrência e a doença base que ocasionou o quadro. A anemia pode, inclusive, não ser detectada.

 

O alerta é de Andrea Novak Savioli, gerente técnica da Ourofino Pet. Anemia é o quadro em que ocorre uma redução no número de células vermelhas (hemácias) presentes no sangue dos animais, causando uma queda na concentração da hemoglobina sanguínea, principal componente das hemácias e proteína responsável pelo transporte e abastecimento de oxigênio para todas as células e os tecidos do organismo.

 

“De forma geral, o animal normalmente mostra sintomas bem genéricos, como prostração, perda de apetite, cansaço, indisposição, e o sinal mais específico é a palidez das mucosas, que pode ser facilmente detectada por meio de uma avaliação de coloração da mucosa oral e gengivas”, afirma Andrea.

 

Nos quadros mais graves, o animal pode apresentar pequenas manchas vermelhas em regiões de pele mais fina, que são chamadas de petéquias, e sangue nas fezes. As anemias agudas ocasionadas por hemorragias secundárias a traumas, cirurgias ou sangramentos de tumores são bastante graves e ocasionam aumento do batimento cardíaco e um possível aumento de tamanho do baço.

 

Causas

 

“As anemias mais comuns são aquelas ocasionadas pela falta de nutrientes, e o tratamento delas requer medidas simples, como correção de dieta e incorporação de nutrientes que promovam e favoreçam a produção de hemácias por meio de suplementos adequados”, explica a gerente técnica.

 

No caso de uma espoliação de sangue ocasionada por presença de verminoses ou parasitas externos, a vermifugação e o combate a ectoparasitas, também com produtos adequados para essa finalidade, são medidas efetivas de tratamento. Para anemias decorrentes de doenças como a Erliquiose Canina, um suporte nutricional ao animal deve ser associado ao tratamento adequado da doença. As anemias ocasionadas por perdas de sangue necessitam de investigação adequada para identificar a origem da hemorragia e as medidas emergenciais de correção do quadro.

 

Prevenção

 

Cuidados rotineiros que garantem a saúde geral dos animais ajudam a prevenir a ocorrência das hemorragias. “Uma dieta equilibrada é importante, com atenção para a suplementação nutricional nos momentos da vida do animal onde um maior aporte de nutrientes é requerido, como a fase de crescimento, gestação e amamentação, bem como períodos de convalescença de possíveis doenças, períodos de estresse e fase de senilidade”, diz Andrea.

 

Manter os animais vermifugados, vacinados e adotar com frequência e periodicidade corretas a aplicação de produtos que controlam as infestações por ectoparasitas são também cuidados de saúde que mantêm os animais longe das anemias.

 

 

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.