Portal Melhores Amigos | Saiba como identificar possíveis doenças em pássaros
4838
single,single-post,postid-4838,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Saiba como identificar possíveis doenças em pássaros

02-Mar

02 mar Saiba como identificar possíveis doenças em pássaros

A criação de pássaros como animal de companhia é muito comum e, muitas vezes, os animais tornam-se membros da família. Assim como qualquer pet, é preciso ficar atento ao comportamento para identificar algum problema.

As doenças que mais aparecem em aves domésticas são problemas respiratórios, metabólicos e nutricionais, explica o médico veterinário Otávio Machado Barbosa, diretor técnico do departamento veterinário da Federação Ornitológica do Brasil.

Os sintomas de doenças em aves domésticas são bem similares para quase todas: apatia, eriçamento das penas (pena arrepiada e embolada), perda de apetite, diarreia. Pássaros canoros costumam parar de cantar quando estão com algum problema.

Apenas as doenças respiratórias apresentam outros sintomas. “O pássaro tem dificuldade de respirar e também apresenta apatia e mudanças nas penas”, explica. Os problemas respiratórias mais comuns são bronquite, traqueíte e coriza.

Prevenção e tratamento

Simples atitudes do tutor podem evitar uma série de problemas com as aves. “O ambiente de criação deve ser bem ventilado, iluminado e limpo. No dia a dia, o animal deve ter hidratação e nutrição adequadas”, explica Barbosa. O Portal Melhores Amigos já falou sobre os principais erros que donos de pássaros cometem e, com bastante atenção, é possível criar uma rotina saudável e prevenir algumas doenças.

Assim como nós humanos, medicação sem orientação pode piorar a situação do animal. Após a observação dos sintomas, é imprescindível acompanhamento médico veterinário. “O olhar profissional é a única opção para definir tratamentos eficazes. A realização de exames garante o diagnóstico preciso”, conclui.

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.