Portal Melhores Amigos | Pode dar cubos de gelo para o pet?
1977
single,single-post,postid-1977,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Pode dar cubos de gelo para o pet?

pote de gelo

29 ago Pode dar cubos de gelo para o pet?

Daqui a pouco começa a temporada de calor. Os amantes do verão vibram, mas é duro ver o bichinho sofrer com as altas temperaturas. Sendo assim, o que podemos fazer para ajudá-lo a se refrescar? Gelo pode? Pode, dizem os veterinários. Porém, como tudo na vida, precisa de moderação.

Cães e gatos são os pets que mais sofrem com o termômetro nas alturas. Eles possuem pouquíssimas glândulas sudoríparas, responsáveis pela produção do suor, auxiliando na regulação da temperatura corpórea. Os peludos trocam com o ambiente boa parte do calor corpóreo por meio da respiração. “Oferecer gelo para estes animais é uma boa alternativa para ajudar não só a regular a temperatura, como também no aumento da ingestão de água diária do pet. É um ótimo artifício nos dias quentes e secos, especialmente para os gatos, que tendem a ingerir menos água que os cães”, explica Andressa Vitorino Moreno, médica veterinária da Clínica Veterinária Wilson Grassi.

Alimentos congelados

sorvete de cachorro gelo pra pet sache congelado

Yamê Miniero Davies, médica veterinária da Provet, observa que cães e gatos interessam-se mais quando os cubos são acrescentados à sua água no potinho, para que possam refrescar-se ao tomá-la, e por ração úmida congelada em formato de cubos, como forma de enriquecimento ambiental e entretenimento.

Outros bichinhos também amam cubos de gelo ou alimentos congelados. Os roedores não costumam interagir com esta forma de distração, mas mantê-los em um conforto térmico é de extrema importância, pois se mantidos em ambientes muito quentes podem sofrer estresse térmico e morrer rapidamente, observa Yamê. O mesmo ocorre com lagomorfos (coelhos, por exemplo), que não toleram altas temperaturas. Recomenda-se mantê-los em ambientes arejados, com temperaturas amenas e protegidos do sol.

A médica veterinária da Provet observa que aves silvestres, principalmente psitacídeos (aves de bico curvo), respondem muito bem ao enriquecimento ambiental com frutas congeladas em formas de cubos, sucos de frutas congelados ou mesmo a nossa salada de frutas congelada no copo. “Estes alimentos podem ser pendurados em diversos locais do recinto e, ao longo do dia, são consumidos à medida que vão derretendo com a temperatura do ambiente. Além de despertar a curiosidade dos animais, é uma forma de distração e estímulo de comportamentos naturais de cada espécie”, destaca Yamê.

Sem contraindicação

Segundo Andressa, não há contraindicação para o hábito de oferecer gelo aos pets. Entretanto, algumas precauções precisam ser tomadas para que o gelo não “grude” na superfície da língua do cão ou do gato (sim, isto pode acontecer!). Algumas medidas são aquecer rapidamente o gelo na mão, passá-lo em água corrente ou oferecer em um pote com água, antes que seu animal o coloque na boca.

É importante também observar a quantidade ingerida. “A quantidade normal de água que o pet deve tomar em um dia é entre 20 e 90 ml por quilo de peso corporal. Diversas doenças podem aumentar a ingestão hídrica de seu pet, então fique atento! Se a ingestão combinada de água em forma líquida e em cubos de gelo ultrapassar esta marca, procure um médico veterinário para avaliar se está tudo bem”, recomenda Andressa, da Wilson Grassi.

Yamê alerta para outro cuidado que precisa ser tomado: “cães que são muito agitados e ansiosos podem engolir os cubos de gelo. Isto pode levar a engasgos, obstrução do lúmen esofágico ou até uma inflamação da região, devido à ingestão de alimentos gelados. Recomenda-se sempre a supervisão e acompanhamento dos tutores durante a oferta de cubos de gelo, assim, é possível observar o comportamento de cada indivíduo e adaptar à brincadeira”.

E a dica de ouro é: ajude seu bichinho a aliviar o calor, mas fique atento a tudo!

 

 

Por Ana Carolina Barbosa

 

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.