Portal Melhores Amigos | Microchips são uma ótima opção para identificar seu pet
4258
single,single-post,postid-4258,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Microchips são uma ótima opção para identificar seu pet

Portal_Devo-microchipar-meu-pet

06 ago Microchips são uma ótima opção para identificar seu pet

Em geral, os tutores utilizam uma coleira para identificar seu pet. Ela pode ser muito útil em caso de fuga ou furto, mas há um método mais preciso e confiável: o microchip.

Implantado sob a pele, geralmente na região dorsal do animal, o microchip conta com um código exclusivo e inalterável, que revela dados importantes como o nome do tutor, seu telefone e endereço. Para acessar essas informações, existe um leitor próprio. O aparelho busca o sinal emitido pelo chip e as exibe em um visor.

Vale ressaltar que, ao contrário do que alguns tutores pensam, não é possível monitorar a localização do pet através do microchip.

“Ele serve apenas para a identificação da posse responsável. Depende, portanto, de alguém encontrar o pet e levá-lo até um local que dispõe do leitor para acessar as informações”, diz a médica veterinária Tatiane Gomes Fernandes. “Cada marca usa um banco de dados. No momento da leitura, junto com a numeração, aparece o nome do fabricante, facilitando o acesso às informações”.

O microchip é muito pequeno (do tamanho de um grão de arroz ) e, por ser envolvido por uma cápsula de vidro biocompatível, dificilmente provoca alergias ao pet.Ele é inserido uma única vez, com a ajuda de uma seringa especial, e nem sequer possui bateria. Fica completamente inerte e só exibe um sinal quando provocado pelo leitor.

O procedimento é relativamente barato, em torno de R$100, rápido e praticamente indolor, não exigindo o uso de anestesia. É indicado para qualquer cão ou gato, independentemente do tamanho. Recomenda-se, porém, que o chip seja implantado a partir dos dois meses de idade.

RG Pet

Antes de providenciar o microchip para seu bichinho, vale a pena conhecer o projeto RG Pet. Trata-se de um sistema pioneiro de cadastramento de pets, que vincula diversas informações do animal e de seu tutor, concentrando todo o histórico e atividades principais em um único local.

É bem simples. Basta realizar o cadastro no site para que um número de RG PET lhe seja atribuído. Em seguida, escolha um médico veterinário, pet shop ou clínica (de confiança, claro) para finalizar o processo via implantação de microchip. Não se esqueça de informar o número do RG Pet no momento do procedimento!

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.