Portal Melhores Amigos | Meu pet precisa de lâmpada dentro de casa?
2063
single,single-post,postid-2063,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Meu pet precisa de lâmpada dentro de casa?

terrário

15 set Meu pet precisa de lâmpada dentro de casa?

Ao decidirmos adquirir um animal, seja ele exótico ou não, devemos sempre ter em mente o fato de que precisaremos simular, da melhor maneira possível, as condições de seu habitat natural.

Isto significa que, principalmente no caso dos répteis (chamados de ectotérmicos, ou seja, que dependem da temperatura do ambiente para se aquecer), talvez precise instalar lâmpadas apropriadas para seu desenvolvimento e manutenção da boa saúde. “Todos os animais precisam de um período de claridade e outro de escuridão. Se o animal não tem acesso à luz solar, devemos deixar acesa a lâmpada do cômodo onde ele estiver  por, pelo menos, 12 horas por dia. Se formos pensar na lâmpada como fonte de aquecimento e radiação UVB, apenas os répteis precisam de ambas, salvo as serpentes que devem, sim, receber em seu espaço iluminação voltada apenas para o aquecimento”, explica o médico veterinário Rodrigo Ferreira, especialista em animais silvestres da ExotiCare.

As lâmpadas como fonte de calor são importantes para que esses animais atinjam a temperatura adequada, fazendo com que o metabolismo réptil funcione corretamente. Já no caso das lâmpadas UVB, sua função é emitir a mesma radiação ultravioleta tipo B do Sol, necessária para que os animais consigam produzir vitamina D3 e absorver o cálcio de sua dieta.

“Dentre os animais de sangue frio, os mais comuns que encontramos são os jabutis, cágados, iguanas e teiús. Existem ainda animais exóticos que, apesar de proibidos, são encontrados aos montes como pets, como por exemplo, o dragão barbado, que também necessita tanto de lâmpadas de aquecimento quanto das emissoras de UVB”, diz. Contudo, nem pense em ter um animal que não foi autorizado pelo IBAMA em casa! Quer saber quais são os répteis legalizados? Então, leia este post do Portal Melhores Amigos e fique por dentro.

Cuidados especiais

Caso seja tutor de um animal como esses, ou deseje ser, é necessário ter em mente o cuidado de utilizar luminárias com soquetes de cerâmica para as lâmpadas. O calor emitido pelo equipamento pode derreter soquetes de plástico, ocasionando incêndios. “No caso das UVB, devemos deixá-las a, no máximo, 30 cm de distância do animal. Mais distante do que isso, de acordo com os fabricantes das lâmpadas, os raios podem não chegar em quantidade suficiente para o animal”, ressalta.

A temperatura é importante para o correto funcionamento do metabolismo dos répteis e, quando não fornecida na quantidade necessária para aquela espécie, ou mesmo quando fornecida em excesso, pode levar o animal a uma série de doenças, algumas não muito perigosas, mas outras que podem levar a óbito. “A falta de UVB, associada ou não a uma dieta pobre em minerais, pode levar o animal a deformidades ósseas, dificuldade de locomoção e até a óbito”, finaliza Ferreira.

 

Por André Spera
Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.