Portal Melhores Amigos | Inflamação do esôfago em decorrência de alimentação inadequada
3578
single,single-post,postid-3578,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Inflamação do esôfago em decorrência de alimentação inadequada

coker-2460019_1920

11 mai Inflamação do esôfago em decorrência de alimentação inadequada

A cena é clássica: você senta-se à mesa para fazer uma refeição – café da manhã, almoço, jantar ou até mesmo um ‘lanchinho’ e seu pet aproxima-se, como quem não quer nada. Você tenta evitar a troca de olhares, mas não é possível: pidão, seu bichinho fica lá, à espreita, te encarando. O desejo dele é claro: um pedacinho da sua comida. E, depois de ganhar a batalha pela fofura, o seu melhor amigo recebe o que deseja.

Esse comportamento é muito comum entre donos de animais, mas pode gerar uma consequência muito insatisfatória: a inflamação do esôfago em decorrência de alimentação inadequada. Essa é uma causa muito comum para visitas no consultório veterinário da doutora Alessandra Ramon Mastrocinque. “O tutor dá de tudo para o animal comer, seja porque o pet pede um pedaço ou porque há uma tentativa de criar alimentação caseira de uma maneira inadequada”, afirma.

Mas o que fazer quando o estrago já foi causado? A médica veterinária tem a resposta. “Em relação ao tratamento, gosto de pedir um hemograma e ultrassom para garantir se há, de fato, uma inflamação. Se sim, entro com algum tipo de anti-inflamatório”.

Por mais que pareça difícil resistir aos encantos de nossos pets, é necessário prezar pela saúde e bem-estar deles – afinal de contas, cabe aos proprietários dos bichinhos educa-los sobre o que pode e o que não pode ser ingerido por eles. “A melhor maneira de evitar uma inflamação do esôfago por alimentação inadequada é basear sua dieta na ração”, sugere Alessandra. “Muita gente oferece massas, doces e frituras para seus animais. Isso pode causar uma inflamação muito grave”, alerta.

Sendo assim, da próxima vez que seu melhor amigo ficar com cara de pidão ao primeiro sinal de uma refeição sua, respire fundo e negue qualquer “beliscada”: ele pode ficar frustrado no começo – especialmente se já estiver acostumado a receber esses ‘lanchinhos’, mas logo irá se acostumar. E, no fim das contas, você estará fazendo um favor para ele.

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.