Portal Melhores Amigos | É verdade que o cão enxerga a família como uma matilha?
548
single,single-post,postid-548,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

É verdade que o cão enxerga a família como uma matilha?

106_cachorro_familia_matilha

09 jun É verdade que o cão enxerga a família como uma matilha?

Como dissemos aqui algumas (várias) vezes, o cão é um animal nômade e, por isso, vive em matilha e segue um líder – quando em seu habitat natural. Quando o cão é domesticado, obviamente ele pode apresentar comportamentos diferentes do cão selvagem, porém, ele continua com os instintos preservados e, na sua cabecinha peluda, associa que aqueles humanos são seu grupo.

Mas, veja bem… Não é que o cão “cachorriza” os humanos igual a nós, que “humanizamos” nossos cães às vezes. Ele simplesmente acessa seus comportamentos instintivos e entende que nós (e, em alguns casos, outros pets) somos sua nova matilha por questões básicas de existência.

“Se você observar cães abandonados ou que vivem nas ruas, eles estão sempre procurando se aliar a algum grupo de outros cães ou humanos. Eles sempre seguem alguém que os dê qualquer sinalização”, explica Fernando Baiardi, adestrador e pesquisador em comportamento canino, proprietário da Cão Ativo, empresa que oferece cursos e treinamento para alunos e serviços de passeios diários, orientados para cães a donos de cães em todo o Brasil.

Fernando explica que este tipo de comportamento “se deve ao fato dos cães serem animais de grupo (matilha), pois desta forma garantem sua sobrevivência, segurança, alimento e outros aspectos necessários para a sua vida”.

Portanto, você e as pessoas que vivem na sua casa se tornam a nova matilha do seu cão. E, por isso, quando você se responsabiliza pelo cãozinho, deve prover a segurança, alimentação, afeto e, além disso, mostrar que você é o líder desse matilha. Senão, já viu…

 

 

 

 

Por: Paula Soncela
Nenhum Comentário

Postar um comentário