Portal Melhores Amigos | Você sabe a origem do criador do seu cãozinho?
4397
single,single-post,postid-4397,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Você sabe a origem do criador do seu cãozinho?

09_Jan

17 dez Você sabe a origem do criador do seu cãozinho?

Com a crescente popularização dos pets, a posse responsável ganha cada vez mais importância para a sociedade. Para tutores e especialistas, prover os animais de estimação com saúde, bem-estar, segurança, entre outros, deve ser um conceito amplo, que se estende por todo o ciclo de vida dos nossos bichinhos.

Por isso, a discussão sobre a “criação legal” ganha cada vez mais força no Brasil. De acordo com o IPB (Instituto Pet Brasil), entidade do setor pet responsável pelo programa Criador Legal, cada vez mais os tutores têm se conscientizado da necessidade de uma procedência legal na hora de adquirir um animal de estimação.

“Adquirir um pet não é apenas um ato de amor, mas também de extrema responsabilidade”, afirma Nelo Marracini Neto, conselheiro de Comércio e Serviços do IPB. “Por isso, é nosso dever checar se todos os criadouros pelos quais o animal passou estão de acordo com a lei.”

Ser um Criador Legal é oferecer aos animais de estimação um ambiente seguro, alimentação adequada, tratamento de saúde, tempo para lazer e descanso, entre outras obrigações previstas em lei.

“Na hora de comprar ou adotar o seu bichinho, cheque todos os documentos, inclusive dos responsáveis pelo local onde o animal está no momento. Outra dica importante é: não se apresse em adotar. Pesquise, avalie, tome a decisão com calma. Só assim podemos, ao lado de uma fiscalização eficiente, garantir o melhor aos animais”, conclui Marracini Neto.

Visite ONGs e grupos de protetores para checar as condições de tratamento de animais, pesquise sobre o assunto na internet e acione o poder público em caso de irregularidades. Só assim será possível garantir aos pets o melhor tratamento possível durante todo o seu ciclo de vida.

 

 

 

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.