Portal Melhores Amigos | Um em cada três cães tem algum tipo de sensibilidade. O maior vilão? O sobrepeso
4601
single,single-post,postid-4601,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Um em cada três cães tem algum tipo de sensibilidade. O maior vilão? O sobrepeso

28_Jul_AJuste

01 jul Um em cada três cães tem algum tipo de sensibilidade. O maior vilão? O sobrepeso

Um em cada três cães têm algum tipo de sensibilidade, aponta pesquisa realizada pela empresa de alimento pet Royal Canin. Essas sensibilidades são diversas, mas as principais são digestivas, cutâneas – como coceiras e irritações de pede – e relacionadas ao peso.

O sobrepeso merece atenção especial, já que atinge 56% dos cachorros, bem à frente das sensibilidades na pele, com 17%. É como se esses pets estivessem acompanhando os hábitos nada saudáveis dos humanos, afinal, mais da metade dos brasileiros também pesa mais do que deveria, segundo a Organização Mundial de Saúde.

O que fazer para evitar esses problemas? Bem, as dicas de sempre valem tanto para nós como para os cãezinhos: exercícios regulares e alimentação balanceada. Para nós, caminhadas e corridas. Para eles, passeios e brincadeiras. Para nós, muitas frutas e legumes. Para eles, rações feitas sob medida para cada fase da vida.

Por que rações são indicadas para manter a saúde do pet?

Qual é a frequência ideal de passeios ou de exercícios?

Sobre os petiscos, vale lembrar que, em excesso, eles também podem fazer mal para o seu cãozinho. “Procure sempre aqueles sem muito conservantes e mais saudáveis”, recomenda Mayara. “Cães não precisam de petiscos o tempo todo. Mesmo que estejam em treinamento pode-se oferecer uma quantidade bem pequena”.

Assim, o mais indicado é que os agrados sejam dados em montantes controlados e após as refeições normais.  Desta forma, por já estarem saciados com a ração, os bichinhos vão, por eles mesmos, consumir uma dose menor.

Por fim, é importante destacar: qualquer problema com o seu pet, consulte um médico veterinário! A avaliação de um especialista é fundamental para tratar todas as sensibilidades sobre as quais falamos.

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.