Portal Melhores Amigos | Por que as aves cantam?
2633
single,single-post,postid-2633,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Por que as aves cantam?

passaros-cantam_DOMINIO-PUBLICO

09 mar Por que as aves cantam?

Cada pet tem uma maneira de se comunicar. Assim como cães latem e gatos miam, é por meio do canto que as aves irão interagir com outros de sua espécie e até mesmo com seus donos.

Quando cantam, as aves estão na realidade consumindo muita energia. Então pode ter certeza de que o animal não fará isso sem uma real necessidade. “Se ela está consumindo energia e gastando tempo ao invés de se alimentar ou reproduzir, é porque ela tem uma finalidade para este canto”, explica a Dra. Magda Izidio de Souza, da Clínica Veterinária Fênix.

Cada canto é um complicado arranjo de notas, emitido de uma forma rítmica, e terá um significado próprio. Por exemplo, há o canto para defesa de território, para afugentar o rival, encontrar alimentos e também um chamado de alerta na natureza, para avisar todo o seu bando de que há um predador por perto e eles estão em perigo.

Na maioria das vezes, o canto virá dos machos, com algumas poucas exceções. Segunda a Dra. Magda, “as fêmeas cantam em menor frequência, e o som é menos belo, pois quem atrai na natureza é o macho. Ele precisa convencer a fêmea de que é o mais indicado para ser o pai de seus filhotes. Geralmente uma fêmea cantando tem o intuito de afastar intrusos do ninho”.

A própria aparência de um pássaro pode interferir na cantoria. Animais com uma plumagem menos atraente cantam mais, para compensar a falta de atrativos de sua aparência. “O pavão, com sua bela plumagem, não canta, por exemplo”. O mesmo acontece com aves que são originárias de florestas espessas e fechadas, que cantam mais alto e em maior frequência. “Como a vegetação é espessa, ela deve possuir um poder de garganta melhor, e seu canto deve ecoar mais longe, para alertar aos outros do bando”.

Se quiser que seu passarinho cante mais, uma boa ideia é ter na gaiola ou viveiro em sua casa um lugar mais alto para que ele possa subir. As aves costumam subir nestes lugares na hora de cantar, pois sabem que, do alto, o som se propaga mais.

Ao longo do ano, estes animais cantam mais na primavera. Este período é época de procriação para os pássaros, que desejam demarcar território e atrair as fêmeas. Já na estação seguinte, o verão, os filhotes nascem, e o canto diminui. “Além de não querer atrair visitantes indesejados ao ninho, tanto o macho quanto a fêmea estão totalmente voltados à criação dos filhotes”.

A maior parte das espécies canta ao amanhecer. O dia clareou, e elas saem em busca de alimentos, água para o banho, entre outras atividades, por conta da chegada da luz solar. Mais tarde, no entardecer, volta a cantoria. É o toque de recolher, para reunir o bando antes da noite. A exceção mais conhecida deste comportamento vem do rouxinol, que canta dia e noite, e aves noturnas e predadoras, como as corujas, que não cantam, mas emitem muitos sons. “Você pode chegar tarde da noite em casa e seu rouxinol pode te ver e cantar”, conta a especialista.

Se o seu pássaro está cantando de maneira diferente ou fica mudo, pode ser o sintoma de algo errado. Caso o comportamento persista, vale uma visita ao médico-veterinário para verificar se há problemas.

Da Redação
Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.