Portal Melhores Amigos | Pets no ambiente de trabalho são antídoto contra estresse
1996
single,single-post,postid-1996,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Pets no ambiente de trabalho são antídoto contra estresse

dog boss

30 ago Pets no ambiente de trabalho são antídoto contra estresse

Sabe aquela sensação boa que vai dando quando vamos pra casa depois do expediente e estamos prestes a reencontrar nossos amigos-filhos-pets companheiros de todas as horas?

Então, imagina poder usufruir das boas vibrações que um bichinho nos proporciona não só em casa, mas também no trabalho? Maravilhoso, não é? Pois saiba que, hoje em dia, esta “prática” de ter pets no ambiente de trabalho já está sendo adotada por diversas empresas estrangeiras e nacionais!

Ter um funcionário de patas no escritório é um verdadeiro antídoto contra o estresse e a desmotivação. Segundo um estudo recente realizado na Universidade Virginia Commonwealth, nos Estados Unidos, os cães não só amenizam fatores estressantes como tornam o trabalho mais satisfatório para os funcionários humanos.

Outra pesquisa conduzida pela equipe do Banfield Pet Hospital, também nos EUA, mostrou que a presença de um bichinho nas empresas melhora diversos outros aspectos, como a moral dos funcionários, equilíbrio entre vida pessoal e profissional, relações profissionais e a capacidade de trabalhar mais horas.

Dentre as organizações brasileiras que se tornaram pet friendly está o VivaReal, portal de anúncios imobiliários, que abriu as portas para o mundo canino e adotou sua própria mascotinha.

“A Dalila chegou na empresa em fevereiro [de 2016] e tem seis anos. Já faz um tempo que queríamos adotar um cachorrinho. Pesquisamos e vimos que pets no ambiente de trabalho ajudam a melhorar o dia a dia. Ao fazer uma busca na internet sobre como e onde adotar encontrei a história da Dalila. Em um anúncio de uma ONG de animais, uma senhora pedia que alguém a adotasse porque ela não iria conseguir mais cuidar da Dalila, que tinha acabado de ser mãe”, relembra Carolina Pinheiro, coordenadora de marketing do VivaReal, de São Paulo.

Carolina conta que Dalila é muito companheira e, quando vivia nas ruas, ela acompanhava três meninas todos os dias para a escola, mesmo grávida de nove filhotinhos(!). Foi então que esta senhora a resgatou e conseguiu fazer com que todos os filhotes fossem adotados, porém, ninguém queria a mãe, até que Carolina viu o anúncio que mudou a vida da cadelinha e dos colegas de trabalho.

“Para nossa empresa ela era ideal, pois nós queríamos um cachorrinho já crescido. Assim que a Dalila entra no ambiente o clima muda. Todos brincam, ficam animados e quando recebem uma retribuição de carinho dela fica uma sensação de gratificação. Falando por mim, quando fico um pouco estressada pela rotina do dia a dia, dedico um tempo para ficar com ela. Ao voltar, estou muito mais relaxada e contente”, diz Carolina.

Lindo, né? E que muitas outras Dalilas e Dalilos por aí sejam adotados e se tornem mascotes especiais de lares e empresas de todo o mundo – bichos e humanos agradecerão!

 

 

 

Por Paula Soncela
Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.