Portal Melhores Amigos | Muito além da beleza hipnótica do Lebiste
Conheça um dos peixes de aquário mais bonitos, o Lebiste. Além da beleza, o Lebiste é um peixe resistente, de comportamento pacífico.
1312
single,single-post,postid-1312,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Muito além da beleza hipnótica do Lebiste

lebiste_gumpy_barrigudinho

22 fev Muito além da beleza hipnótica do Lebiste

Ágil, resistente e multicolorido, o Lebiste é um peixe ornamental com sangue latino, originário da América do Sul e da América Central. Capaz de deixar qualquer aquário mais alegre e cheio de cor, o peixe – que também é chamado de barrigudinho, guppy e Peixe Arco-Íris – é muito utilizado para embelezar aquários desde os anos 1900.

Para além de seu encantamento policromático, o Lebiste exerce um excelente controle natural de pragas, dispensando venenos e outras intervenções danosas ao ambiente. Isso porque o peixinho se alimenta vorazmente de larvas de insetos. Não faltam registros de sua utilização para controle biológico de insetos transmissores de doenças, como a Dengue, a Malária e a Febre Amarela.

Pacífico e pequenino, o macho mede até 5 cm, enquanto a fêmea pode chegar a 7 cm. Além da diferença de tamanho, os machos têm cauda maior, coloração mais intensa e tem uma estrutura no ventre chamada gonopódio, que possibilita a transferência de gametas para a fecundação interna das fêmeas. Por sua vez, as fêmeas possuem uma pequena mancha na região do ventre, próxima à cauda, que se torna mais escura quando está grávida e os ovos começam a se desenvolver.

Cativado pela beleza do Lebiste? Fique atento aos cuidados básicos a seguir e apaixone-se todos os dias pelas cores vibrantes deste peixe da paz.

Um Lebiste para chamar de seu

Para ter um Lebiste em casa, basta acomodá-lo confortavelmente em uma “casa” própria. O modelo ideal é um aquário médio com plantas. Como ele é um peixe pacífico, os demais peixes do aquário (se houverem) também precisam ser pequenos e pacíficos.

Atente-se também para a proporção adequada de fêmeas e machos no aquário: a razão deve ser de três fêmeas para cada macho. Isso evita brigas e situações estressantes para as fêmeas durante o período de acasalamento, já que a atenção do macho estará dividida.

Outro ponto de atenção é o pH e a temperatura da água ideais para o Lebiste. A temperatura deve ficar entre 24ºC e 28ºC, enquanto o pH da água deve ser alcalino, entre 7,2 a 7,5.

Vale lembrar que o Lebiste vive, em média, dois anos.

Lebiste pai, mãe e filhotinhos

A reprodução do Lebiste é bastante curiosa. Dentro da mãe, os filhotes se desenvolvem em até 30 dias dentro de ovos. No entanto, quando as crias estão prontas para nascer, as cascas se rompem e a fêmea expele os filhotes, prontinhos para começarem a nadar. Isso significa que, em apenas quatro semanas, cerca de cem novos lebistezinhos vem ao mundo.

E as curiosidades não param por aí – as Lebistes fêmeas são cheias de segredos. O principal deles é que elas podem “estocar” esperma de machos por um período de até oito meses. Isso significa que, depois de fecundadas por um macho, elas podem ter até três gestações seguidas, mesmo sem qualquer tipo de contato com outros machos.

A fecundação do Lebiste é diferente da maioria dos peixes. Ele é um animal ovovivíparo, ou seja, faz fecundação interna. Os ovos são incubados dentro da mãe e fornecem os nutrientes para os embriões.

Uma vez que os alevinos (como são chamados os filhotes de peixe) nascem, o ideal é mantê-los longe do pai e da mãe. Além dos pais não cuidarem dos peixinhos após o nascimento, é provável que eles tentem devorá-los (!). Isso porque, definitivamente, eles não têm instinto materno e paterno. Então, ao nascer, separe os alevinos da mãe, do pai e de outros peixes em um novo aquário. O ideal é separar a mãe em um aquário só para ela ao final da gestação e, quando os alevinos nascerem, remover a mãe.

Quando os peixinhos completarem dois meses de idade, você poderá saber se eles são machos ou fêmeas. A partir dessa idade, eles também já estão prontos para serem papais e mamães de novos Lebistezinhos carismáticos e muito coloridos.

 

 

Por: Marina Maciel
Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.