Portal Melhores Amigos | Entidades do setor pet se unem para combater tráfico e maus-tratos a animais
4423
single,single-post,postid-4423,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Entidades do setor pet se unem para combater tráfico e maus-tratos a animais

11_Fev

22 jan Entidades do setor pet se unem para combater tráfico e maus-tratos a animais

Fiscalizar a criação – e não proibir a venda – é a melhor forma de combater o tráfico e os maus-tratos a animais. Esse é o ponto central da Campanha Criador Legal, iniciativa recente de entidades do setor pet brasileiro que defende a fiscalização dos criadores de animais de estimação por autoridades competentes do governo.

O projeto, que busca a conscientização de todos os envolvidos no setor, incluindo os tutores, tem como fundamento o conceito de Boas Práticas de criação e leva em consideração as principais pesquisas e tendências mundiais nos cuidados com animais de estimação.

Fazem parte da iniciativa o Instituto Pet Brasil (IPB), a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), a CBKC, a Anclivepa Nacional, a Federação Ornitológica do Brasil (FOB) e a Confederação Brasileira de Criadores de Pássaros Nativos (COBRAP).

“O Criador Legal é favorável à fiscalização e à certificação em relação às boas práticas na criação de animais de raça ou sem raça definida”, afirma Martina Campos, diretora executiva do IPB, uma das entidades participantes do projeto. “Fiscalizar o local de compra, adoção e criação dos animais é dever de todos”.

Os Criadores Legais podem ser ONGs, protetores independentes ou empresas privadas, que devem ser monitorados do nascimento do pet à comercialização ou disponibilização para adoção. “A participação do tutor na fiscalização é essencial. Na hora de comprar ou adotar, é preciso tomar a decisão com calma, pesquisando as condições de tratamento dos animais e acionando o poder público em caso de irregularidades”, diz Martina.

Para denunciar, você pode utilizar os seguintes telefones: 190 (Polícia Militar), 181 (Disque-Denúncia), 0800-61-8080 (Ibama Linha Verde, para animais silvestres). Alguns Estados têm canais específicos. Em São Paulo, por exemplo, há o Disque-Denúncia Animal: 0800-600-6428.

Saiba mais sobre a Campanha Criador Legal pelo site: http://institutopetbrasil.com/criadorlegal/

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.