Portal Melhores Amigos | É melhor oferecer água ao seu cão antes ou depois do passeio?
3265
single,single-post,postid-3265,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

É melhor oferecer água ao seu cão antes ou depois do passeio?

dog-water

20 out É melhor oferecer água ao seu cão antes ou depois do passeio?

Que os cães precisam sair para caminhar todos os dias, isso os tutores não têm dúvidas. A questão, muitas vezes, é saber identificar o momento correto e a quantidade adequada de água durante um passeio com o animal. Segundo o médico veterinário Laudo de Abreu a preocupação é bem importante, em especial nas estações mais quentes do ano.

 

“Ao sair para caminhadas ou atividades esportivas com seu pet, aconselho sempre fornecer água antes e levar uma garrafinha para hidratação durante o caminho ou a prática da atividade física para oferecer ao animal de forma gradativa”, diz o profissional, que é responsável pelo Instituto Veterinário Dr. Laudo de Abreu.

 

Ele explica que a hidratação adequada é fundamental porque, após alguns minutos de atividade, a frequência cardíaca e a respiratória se elevam, e a tendência do animal é ficar cansado à medida que o tempo e a distância de caminhada aumentam.

 

“O fornecimento de água varia de acordo com o clima, o nível de condicionamento, o grau de esforço e o tamanho de seu pet. Qualquer cão sedentário, obeso ou de raça sem ‘perfil de atleta’ se cansa mais facilmente e necessita de um maior consumo de água – sempre de maneira controlada – durante o esforço”, afirma.

 

Outra dica é evitar dar água à vontade durante o exercício, já que o cão pode exagerar na quantidade, resultando no chamado “vômito por sobrecarga”, causado pelo excesso de líquido ingerido de uma só vez.

 

O cuidado com o horário da atividade física, por sua vez, evita problemas de desidratação. “Nunca faça exercícios com o seu cão nas horas mais quentes do dia, prefira o começo da manhã ou o final da tarde”, explica Abreu. Com a proximidade do verão, é preciso ficar ainda mais atento às temperaturas antes de sair de casa.

 

Além disso, Abreu recomenda que o tutor respeite as limitações físicas do animal. “Caso você queira se exercitar ao lado de seu pet, saiba que ele tem limitações diferentes das suas e pode se cansar mais facilmente que você. Consulte sempre um profissional capacitado antes de se aventurar em realizar uma atividade física com seu cão e certifique-se que seu amigo tem condições para se exercitar”, diz o veterinário.

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.