Portal Melhores Amigos | As posições que os cães dormem significam alguma coisa?
4656
single,single-post,postid-4656,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

As posições que os cães dormem significam alguma coisa?

23-Set

31 ago As posições que os cães dormem significam alguma coisa?

Uma das ferramentas mais poderosas para manter o pet sempre saudável é observá-lo. Em dias mais frios, percebemos que o cachorro dorme mais encolhido, e em algumas situações, parecem mais relaxados. Além das posições serem extremamente fofas, algumas podem indicar algum incômodo ou revelar o comportamento do cachorro.

Quando o cão dorme muito encolhido, é preciso ficar atento. “Essas posições encolhidas podem ser simplesmente por um dia frio, mas se acontecer com muita frequência, pode também ser indicativo de medos e fobias, depressão ou síndrome de separação”, explica Ricardo Ueda, educador pet da AmahVet e fundador da Educa Pet.

Para facilitar na observação do seu cachorro, o Portal Melhores Amigos separou as posições mais comuns e o que elas significam.

Posição convencional

A característica dessa posição é barriga para baixo com o corpo levemente curvado, com o focinho mais próximo a calda. De acordo com Ueda, essa posição pode significar um pouco de frio, mas na maioria das vezes significa insegurança. “Quando o cão não está se sentindo totalmente seguro, essa posição auxilia o animal para que ele e levante rapidamente. Indica que ele está alerta e pode ser mais ágil em uma possível emergência”, diz.

Posição de lado

Essa é a posição do relaxamento. Ueda explica que quando o cão está deitado totalmente de lado com as quatro patas esticadas, ele está atingindo o sono mais profundo, totalmente tranquilo e se sentindo seguro com o local em que está dormindo. “Essa posição promove um relaxamento profundo, e é muito comum cães sonharem assim”, explica.

Posição encolhida

Bem similar à posição fetal dos humanos, também pode significar frio ou um sentimento de proteção. “Essa posição pode indicar que, inconscientemente, ele está tentando proteger as suas regiões vitais, como as patas, garganta e a barriga. Cães geralmente dormem assim quando a família viaja e o leva para um local totalmente desconhecido”.

Posição supercão

Essa posição é mais comum entre os filhotes: barriga para baixo, patas da frente e de trás esticadas. “Eles têm muita energia, então dormem nessa posição porque, quando acordam, já estão prontos para levantar e fazer as sapequices” aponta Ueda.

Outra possibilidade de interpretação dessa posição é a temperatura. Geralmente quando está um dia mais quente, eles podem deitar assim para trocar a temperatura com o piso.

Posição de barriga para cima

Essa é a posição da total segurança. Deitado de barriga para cima, com as patas dianteiras flexionadas e traseira esticadas. “É uma das preferidas dos cães, e indica segurança pelas partes vitais estarem completamente expostas. Isso demonstra total confiança no tutor e no ambiente em que ele está”.

Posição esfinge

Nessa posição o cão fica de barriga para baixo, com as patas da frente esticadas e as de trás encolhidas e escondidas sob o corpo. “Essa também é uma posição de alerta, pois permite que ele consiga se levantar rapidamente. Após algum tempo, ele simplesmente deita e dorme profundamente”.

Posição excêntrico

Por fim, as posições mais engraçadas e que geram mais cliques dos tutores indicam segurança e confiança. “Sabemos que o cão está 100% adaptado, seguro e confiante quando dormem nas posições mais bizarras. Pendurado no sofá, na caminha com a cabeça pendurada para fora ou sobre um par de sapatos, não importa. É um bom sinal”, conclui.

 

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.