Portal Melhores Amigos | As mudanças dos cães na adolescência
3487
single,single-post,postid-3487,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

As mudanças dos cães na adolescência

dog-3218503_1920

12 mar As mudanças dos cães na adolescência

Não é só para os seres humanos que a adolescência é significado de mudanças e novidades. Para os cães, esse também é um período delicado, cheio de coisas novas, pois nossos amiguinhos estão chegando a uma nova fase da vida.

A médica-veterinária Mayara Ramos da Silva explica que a idade da puberdade nos cachorros pode variar entre 6 e 8 meses, e será marcada por algumas mudanças comportamentais.

Ela explica também que este é um período especialmente importante em relação à socialização. Cães mais sensíveis e medrosos, que não forem socializados até esse período, poderão ter muito mais dificuldade no futuro.

“Os machos podem começar a levantar a perna para fazer xixi, ficar mais desobedientes. Alguns podem apresentar agressividade e começam a marcar território. Eles também terão mudanças na aparência e irão perder aquela carinha de filhotinho e já tomando um formato mais adulto, além de o genital ficar mais desenvolvido”, afirma Mayara.

Quanto às fêmeas, a veterinária explica que nesse período ocorrerá o primeiro cio e que elas poderão se tornar mais agressivas e territorialistas, principalmente se houver convívio com outra fêmea no local. Passam a ter aparência física de adultas, mas continuam a fazer xixi sentadas.

Apesar de ser o primeiro cio e o começo da guinada para a vida adulta, Mayara explica que é bom ter um cuidado específico com as cachorrinhas nessa época: “Apesar do início da maturidade sexual, não é recomendado que ela fique grávida nesse primeiro cio”.

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.