Portal Melhores Amigos | Abinpet e empresas associadas lançam cartilha com orientações para evitar infestação de insetos em produtos pet
4662
single,single-post,postid-4662,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive

Abinpet e empresas associadas lançam cartilha com orientações para evitar infestação de insetos em produtos pet

2bdf24bb-9e65-4ad1-8a29-4895a93d6139

31 ago Abinpet e empresas associadas lançam cartilha com orientações para evitar infestação de insetos em produtos pet

Por vezes surge um relato de compra de alimento infestado por inseto, seja alimentação humana ou animal. Este é um problema que mercados e lojas vêm enfrentando há anos, mas a evolução dos processos de produção e distribuição tem melhorado o cenário.

 

No setor pet a situação gera prejuízos para todos os elos da cadeia. “Isso acontece porque, como qualquer alimento, o alimento pet é sensível à umidade, à variação de temperatura, poeira e a incidência de luz solar”, explica José Edson Galvão de Franca, presidente-executivo da entidade. A variação desses fatores pode facilitar a infestação, quando surgem brechas em caixas, embalagens plásticas e até mesmo na infraestrutura do local de armazenamento.

 

Diante deste cenário, a Abinpet – Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação e suas empresas associadas lançaram uma cartilha para instruir e engajar distribuidores, lojistas e consumidores, para a melhoria dos processos de garantia de qualidade dos alimentos para pets.

 

Unificação dos processos

 

Atualmente, a Abinpet tem 61 marcas associadas que correspondem a 80% do mercado pet brasileiro. Nos últimos anos, as empresas vêm abordando de maneira isolada com seus clientes e consumidores as melhores práticas de manuseio e armazenamento dos produtos.

 

Para unificar os esforços e entregar um material que contemple as melhores práticas do mercado, o guia da Abinpet traz todas as informações necessárias para melhorar a qualidade em estoques e lojas, visando principalmente, entregar um produto com a mesma qualidade da fábrica. “É importante lembrar que o principal benefício deste guia é que ele contribui para a chegada de um produto de qualidade no consumidor final e nos seus animais de estimação”, diz Galvão de França.

 

O guia

 

O texto orienta toda a cadeia produtiva para a redução do problema. Com linguagem simples e acessível, sugere adaptações específicas dos locais de processamento, distribuição e venda. A cartilha aborda os requisitos básicos de qualidade do produto final em toda a cadeia, desde a indústria até a casa do comprador final.

 

O primeiro passo para a produção do material foi o mapeamento do cenário entre as fábricas e as lojas. Com este mapeamento, foi possível determinar o potencial de infestação ao longo da cadeia, e traçar estratégias mais eficientes para eliminar o problema.

 

“Tratamos na cartilha das principais reclamações associadas à infestação de insetos, o cenário atual das pragas nos alimentos pet, os insetos mais comuns nesse tipo de infestação, mapeamento nos processos e pontos de controle, programa eficiente de limpeza, gestão de resíduos e de controle de pragas. O foco é fazer com que toda o setor produtivo e logístico esteja alinhado”, conclui Galvão de França.

Nenhum Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.